Papo Descomplica

Relato de uma Rave aos 30

Se você como eu, não vai a uma festa que dura mais que 6 horas a muito tempo, seus eventos mais constantes são casamentos e barzinho em casal, vem comigo que vou te contar da minha experiência de ir a uma Rave depois dos 30.

De cara a ideia de ficar por volta de 14 horas em pé e acordada já me assustou um pouco.

Mas acho que escolher e descobrir com que roupa ir demorou mais que a duração da festa, acionei todos os meus contatos de 20 e poucos anos e muitos googles para saber qual o look que se usa hoje em dia em uma rave.

Filas já não são mais para paquerar ou utilizar como os últimos minutinhos do esquenta, são chatas pra caramba.

Você sabe o quanto pode e quer beber.

Você cuida de quem bebe além da conta.

Sério, você se diverte muito, ri muito, dança muito, aproveita muito, sem medo do que os outros vão pensar.


E também vai dormir muito para se recuperar da maratona.

Efeitos colaterais como dor nas pernas e nos pés, ressaca e um dia para se recuperar tendem a aparecer.

A vontade de repetir a dose também!

Observações finais da experiência: Mais que positiva, Descomplica e põe os 30 pra jogo!!!

Redes Sociaiscropped-img_0201.png

Facebook

Instagram

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s